Na flor da pele...

Teu olhar a me olhar

Teu sentir no meu sentir

Teu querer no meu querer

O teu lembrar

Faz-me chorar!

Na flor da pele...

Teu presente tão ausente

Teu amor não mais presente

Tua lembrança a  torturar!

Na flor da pele...

Meus sentidos me enganando

O tempo me protestando

Pedindo para esperar

O retorno de um amor

Que não tem porquê contestar!

Na flor da pele...

Um amor que só fez sangrar...

Clique na figura
envie sua mensagem



 

Desde 25.05.2005,
Número de Visitas

Home

Direitos autorais registrados®

Voltar

Menu

Fale Comigo

Google
 
Web www.simplesmente.poeta.nom.br